quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Comissão de Meio Ambiente exige proibição na Bahia de incineração de lixo tóxico de outros Estados

11/29/2012 04:59:00 PM



O deputado estadual Adolfo Viana (PSDB) que preside a Comissão de Meio Ambiente da Assembleia Legislativa da Bahia afirmou na reunião ocorrida nesta quarta-feira (28), que vai solicitar ao secretário de Meio Ambiente Eugênio Spengler que a Bahia não seja responsável pela incineração de resíduos tóxicos originados de outros Estados. “Não podemos permitir essa prática, pois   é a saúde da população que está sendo exposta à todo tipo de doença. Se São Paulo não incinera seu lixo porque a responsabilidade deve ser nossa?” questionou o deputado Adolfo Viana.
Na reunião da comissão, foi apresentado ainda um requerimento do parlamentar Elmar Nascimento, cujo conteúdo atesta que o lixo tóxico vindo de São Paulo, está sendo incinerado numa fábrica de cimento, na cidade de Campo Formoso. Conforme o documento, trata-se da mesma substância (pentaclorofenol e hexaclorobenzeno) enviada pela empresa Rhodia, para a Cetrel-Lumina e que por força de denúncia da Câmara de Vereadores de Camaçari teve a incineração suspensa naquela região. Os integrantes da comissão de Meio Ambiente decidiram que na próxima terça-feira (4) se reunirão com o secretário de Meio Ambiente para discutirem o caso.


Maria Rocha Ascom Adolfo Neto

SHIRLEY CARVALHAES EM SENTO SÉ DIA 12

11/29/2012 04:48:00 PM


O ano de 2012 será encerrado em grande estilo no município de Sento Sé. Alguns eventos estão sendo viabilizados. No próximo dia 12 de Dezembro a Justiça Eleitoral local realizará a cerimônia de Diplomação dos candidatos eleitos em 07 de Outubro. O prefeito reeleito Ednaldo Barros, disse hoje que não irá promover festas e sim um show Evangélico de ações de graças com a participação da renomada cantora evangélica Shirley Carvalhaes. Contatos estão sendo feitos no sentido de confirmar a presença de Shirley Carvalhaes em Sento Sé.
O réveillon também será marcante na cidade com uma sensacional  programação e no dia 1º de Janeiro 2013 a festa da posse do primeiro prefeito eleito no município para a terceira gestão. O atual prefeito comandou o municipio pela primeira vez de 1997 a 2000; Eleito em 2008 para o quadrienio 2009 a 2012 e tomará posse no próximo dia 01 de Janeiro para novo mandato: 2013 a 2016.

Tombador reverencia N. S. da Conceição

11/29/2012 04:24:00 PM


Por Osiel Amaral
A Paroquia de São José, deu inicio agora a pouco, a festa em homenagem a Nossa Senhora da Conceição.
Serão 10 dias de festa, a programação vai contar com recitação de terços, realização de missas, apresentações culturais e Leilões, sempre a partir 19h. Contará com a participação dos irmãos líderes de diversas comunidades da sede e do interior do município, participarão da festa.
A abertura aconteceu hoje, Quinta-feira, 29 de Novembro, às 19h. Os noiteiros foram Motoristas e Motoqueiros. A Procissão com o andor de Nossa Senhora saiu da Igreja Matriz de São José seguindo por uma carreata e dezenas de motos, em direção a Igreja de Nossa Senhora da Conceição, no bairro Tombador. Ao final da carreata os transportes (motos e carros) foram abençoados. Todas as noites haverá celebrações da Novena na igreja. Logo após as celebrações: Leilões.
As comemorações à Padroeira do bairro Tombador, conta com o apoio da prefeitura municipal de Sento Sé, através do Departamento de Cultura.
Foto: arquivo Sento Sé Agora

Dilma amplia faixa etária do Brasil Carinhoso para até 15 anos

11/29/2012 06:35:00 AM
A presidente Dilma Rousseff anunciou nesta quinta-feira (29) a expansão do programa de transferência de renda Brasil Carinhoso, que agora passará a atender crianças na faixa etária de 7 a 15 anos e não mais somente de 0 a 6 anos.
O Brasil Carinhoso prevê que todas as famílias extremamente pobres com pelo menos uma criança tenham renda mínima de R$ 70. Ou seja, famílias que já recebem o Bolsa Família, mas que não atingem renda per capita de R$ 70 terão um complemento no benefício para deixar a situação de pobreza absoluta.
O governo considera como extremamente pobres, miseráveis ou na pobreza absoluta as famílias cuja renda mensal por pessoa é inferior a R$ 70.
A expansão do programa vai representar um custo adicional de R$ 1,74 bilhão por ano no orçamento do Bolsa Família, programa por meio do qual é feita a transferência às famílias extremamente pobres com pelo menos um filho de 0 a 15 anos.
O previsão de orçamento do Bolsa Família em 2013, segundo o MDS, é de R$ 23,1 bilhões.
Quando foi lançado, em maio deste ano, o programa previa atender crianças de 0 a 6 anos. Com a ampliação da faixa etária anunciada nesta quinta-feira, 2,9 milhões de crianças de 7 a 15 anos poderão ser beneficiadas.
O valor médio do benefício recebido pelas famílias que têm crianças de 0 a 15 anos será de R$ 235 por mês, segundo o ministério.
O total de pessoas atingidas pelo programa – somando todos os integrantes das famílias que têm crianças de 0 a 15 anos – será de
16,4 milhões, segundo o MDS, que coordena o Brasil Carinhoso.
A ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Tereza Campello, afirmou em discurso que os benefícios para famílias com crianças de 7 a 15 anos serão pagos a partir do dia 10 de dezembro.
“Não temos como tirar uma criança da miséria sem tirar toda a sua família. Por isso, transferimos o suficiente para que cada pessoa da família tivesse R$ 70 reais. Ao todo, desde a criação do programa, mais de 9 milhões de pessoas superaram a miséria. Os resultados obtidos nos motivaram a ampliar o público”, afirmou.
A ministra destacou que o Brasil Carinhoso reduz a desigualdade em todas as faixas etárias, já que os recursos beneficiam cada integrante da família com criança de 0 a 15 anos. “A pobreza extrema cai em todas as faixas etárias, não só nas crianças de 0 a 6 anos e de 7 a 15 anos.
O Brasil Carinhoso impacta a renda da família. Toda a família passa a receber recursos.”
Tereza Campello afirmou ainda que um dos objetivos do programa é buscar famílias pobres que ainda não estão sendo beneficiadas. “Já localizamos 800 mil novas famílias que não estavam no cadastro. Será necessário localizar e incluir novas 700 mil famílias”, disse.

Fonte: G1
 

Marin explica veto a Guardiola, elogia brasileiros e anuncia Felipão e Parreira

11/29/2012 06:31:00 AM




A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) anunciou oficialmente na manhã desta quinta-feira o novo técnico da seleção brasileira, que substituirá Mano Menezes, em coletiva em hotel na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio. O pentacampeão Luiz Felipe Scolari foi confirmado, bem como o do novo coordenador, o tetracampeão Carlos Alberto Parreira. Em seu discurso, o presidente da entidade, José Maria Marin, explicou por que escolheu a dupla e vetou o espanhol Pep Guardiola
- Queria agradecer às pessoas, que com a melhor das intenções, sugeriram um treinador estrangeiro. Um técnico estrangeiro merece nosso respeito por qualidade e conhecimento, eu o conhecia como técnico de equipe, e não de seleção, o que é totalmente diferente. Isso não diminui o respeito a esse treinador conhecido internacionalmente como grande treinador e endosso suas qualidades - disse Marin.
saiba mais
 
Na mesa ao lado de Scolari, Parreira, Marco Polo del Nero (vice da CBF e presidente da federação paulista) e Rubens Lopes (presidente da federação do Rio), o presidente citou os nomes de Abel Braga (Fluminense), Tite (Corinthians), Vanderlei Luxemburgo (Grêmio) e Muricy Ramalho (Santos) como técnicos brasileiros de sucesso que poderiam assumir a vaga de Mano Menezes, mas exaltou as qualidades de Felipão para ser escolhido com Parreira.
felipão scolari josé maria marin e Parreira coletiva brasil (Foto: André Durão / Globoesporte.com)Felipão e Parreira ao lado de Marin no anúncio oficial (Foto: André Durão / Globoesporte.com)
- Juntando todos os requisitos, assumimos a responsabilidade de entregar o destino da Seleção nas mãos competentes, na capacidade reconhecida, e na experiência já testada através de títulos conquistados, quero garantir a todos: estamos procurando fazer o melhor. Essa será a dupla que, se Deus quiser, contando com o apoio do torcedor brasileiro, irá tornar realidade o nosso grande sonho, de ser mais uma vez campeão da Copa do Mundo - disse Marin.
- É com bastante alegria que volto a trabalhar num grande projeto da Seleção Brasileira, que é o Mundial de 2014. Feliz por ter ao meu lado alguém que eu possa dividir os segundos da Seleção, que é o Parreira, e colocar a vocês que o nosso projeto de Mundial, que já havia iniciado há muito tempo, é o objetivo principal - completou Felipão.
A vaga do diretor de seleções Andrés Sanchez, que pediu demissão da entidade por não querer ser a "rainha da Inglaterra", depois de ser voto vencido na demissão de Mano e na escolha do novo técnico, será extinta. A decisão foi anunciada pelo presidente da CBF, José Maria Marín, e pelo vice-presidente da entidade e presidente da Federação Paulista de Futebol (FPF), Marco Polo del Nero.
- Eu me sinto como um garoto, com a paixão, chama, e reviver uma dobradinha que deu certo numa Copa do Mundo com Zagalo. Estamos aqui para auxiliá-lo. Agradecer a direção da CBF por esse apoio. O objetivo é um só: não passa pela nossa cabeça não ganhar a Copa do Mundo - afirmou Parreira.
Campeão mundial em 2002, Felipão deixou o Palmeiras, que acabou rebaixado no Campeonato Brasileiro, em setembro deste ano. Pela seleção, o técnico tem 26 jogos, com 19 vitórias, SEIS derrotas e somente um empate. Na Copa de 2002, foi campeão com 100% de aproveitamento, vencendo a Alemanha na final em Yokohama, no Japão. Felipão terá a missão de tentar repetir o desempenho no Mundial de 2014, além de vencer a Copa das Confederações em 2013.

Energia Eolica em Campo Formoso

11/29/2012 06:21:00 AM

A energia eólica – produzida a partir da força dos ventos – é abundante, renovável, limpa e disponível em muitos lugares. Essa energia é gerada por meio de aerogeradores, nas quais a força do vento é captada por hélices ligadas a uma turbina que aciona um gerador elétrico. A quantidade de energia transferida é função da densidade do ar, da área coberta pela rotação das pás (hélices) e da velocidade do vento.
A avaliação técnica do potencial eólico exige um conhecimento detalhado do comportamento dos ventos. Os dados relativos a esse comportamento – que auxiliam na determinação do potencial eólico de uma região – são relativos à intensidade da velocidade e à direção do vento. Para obter esses dados, é necessário também analisar os fatores que influenciam o regime dos ventos na localidade do empreendimento. Entre eles pode-se citar o relevo, a rugosidade do solo e outros obstáculos distribuídos ao longo da região.
O município de Campo Formoso detém de todo esse potencial para a geração de energia eólica. Os parques eólicos que serão construídos estão em fase de licenciamento ambiental e a previsão é de que em 2015 comecem a construção. Nessa fase de implantação são vários processos, inclusive o de implantação do plano de comunicação com as comunidades em torno dos parques. Estivemos acompanhando uma dessas reuniões da empresa Atlantic Energia parceira da Casa dos Ventos, que está avaliando como as comunidades estão absorvendo as informações passadas principalmente pelo programa de Rádio.
O objeto do programa é mostra para as comunidades envolvidas os impactos positivos e negativos que esse empreendimento trará para as comunidades. Uma das reuniões aconteceu na associação Agropastoril da comunidade de Varsinha que juntamente com as comunidades de Baixão e Belas receberão o Parque denominado Parque Eólico de Morrinhos.
.
Fonte:  Blog do Sátiro

19 anos depois, marido descobre que esposa era homem

11/29/2012 06:19:00 AM
Uma notícia bastante estranha está circulando em vários sites de notícias. Trata-se de um homem de 64 anos que descobriu, 19 anos depois de casado, que a sua esposa, atualmente com 48 anos, na verdade era um transexual. Era um homem que havia feito cirurgia para virar mulher, antes de casar.
Jan e Mônica se casaram no ano de 1993 segundo o jornal "Het Nieuwsblad". "Achei que ela fosse uma mulher. Ela não tinha traços masculinos", revelou Jan. Mesmo durante as relações sexuais ele nunca percebeu nada, e só descobriu recentemente que ela era transexual. 

Na época em que a mulher mudou para a Bélgica, a Justiça belga chegou a levantar dúvidas sobre a autenticidade de seus documentos, mas, mesmo assim, Jan não desconfiou de nada e decidiu se casar. 
FILHOS

Jan contou que ele e sua esposa tinham decidido não ter filhos, porque ele já tinha dois de um casamento anterior. 
 

Ele começou a desconfiar da esposa depois que ela começou a usar roupas muito chamativas, minissaias e tops minúsculos. 

O homem enganado iniciou um processo judicial para ter o casamento anulado. 
 
Fonte: Blog do Francisco Evangelista

Jornalista Joelmir Beting morre aos 75 anos

11/29/2012 05:51:00 AM


O jornalista Joelmir Beting morreu no início da madrugada desta quinta-feira (29), em São Paulo, aos 75 anos. De acordo com a Folha, ele faleceu às 0h55 (horário de Brasília). Internado há mais de um mês no Hospital Albert Einstein, Beting estava em coma desde o último domingo (25), após sofrer um acidente vascular encefálico hermorrágico.
Seu filho Mauro Beting, também jornalista, foi quem comunicou sua morte, em entrada ao vivo na Rádio Bandeirantes durante a madrugada. Betting passava por um tratamento para combater uma doença autoimune desde o dia 22 de outubro.
Natural de Tambaú (SP) e formado em sociologia pela Universidade de São Paulo (USP), ele é considerado um dos pioneiros da imprensa econômica do Brasil. Em 1970, passou a escrever uma coluna diária sobre o tema para a Folha de S. Paulo, publicada por 34 anos e reproduzida em mais de 50 jornais pelo país.


G1 Foto: Divulgação)

Novos escândalos afetam credibilidade do Brasil no exterior, afirma Jutahy Jr

11/29/2012 05:50:00 AM


 
O deputado federal Jutahy Júnior (PSDB-BA) afirmou nesta quarta-feira (28) que os constantes escândalos envolvendo agentes públicos, principalmente, por ocupantes de cargos de confiança, estão comprometendo a confiabilidade do governo brasileiro junto a outros países."Isso tem reflexo nos investimentos brasileiros de longo prazo, principalmente em investidores internacionais que ficam perplexos ao perceber que chegou a esse ponto — desculpem-me a palavra — de esculhambação do Estado brasileiro, que permite chegar a uma situação dessas", observou.
 
Em pronunciamento da tribuna da Câmara, Jutahy Júnior falou das novas denúncias investigadas pela Polícia Federal (PF) na Operação Porto Seguro. "Nunca, na história deste País, como bem colocava o ex-Presidente Lula, nós tivemos um episódio semelhante ao que está ocorrendo agora com Rosemary Noronha.Quem já tinha ouvido falar dessa senhora, ex-representante do gabinete da Presidência da República em São Paulo? Praticamente, ninguém, fora do mundo vinculado ao PT e à estrutura de poder", apontou. 
 
O parlamentar baiano lembrou que Rosemary Noronha havia indicado dois diretores de agências nacionais no Brasil, agências de Estado que têm obrigação de preservar o interesse público para contratos de longo prazo. "Como é possível? É muito estranho que uma funcionária de baixa qualificação profissional tenha o poder de influenciar diversos órgãos do Brasil, diversos Ministérios, e a capacidade de influenciar na escolha de dois diretores de agências nacionais".
 
Segundo Jutahy Júnior, essa série de escândalos  põem em risco a credibilidade da nação. "Investidores do setor de energia, de petróleo, que representam investimentos maciços de que o Brasil necessita em tantas áreas, hoje estão se perguntando se o nosso País tem confiabilidade, segurança jurídica, capacidade de absorver investimentos de longo prazo, como eu disse aqui, porque esses fatos desorganizam a confiança dos investidores em nosso País", concluiu o parlamentar.

segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Progressão de professores é aprovada em regime de urgência pela Assembleia

11/26/2012 06:03:00 PM
A Assembleia Legislativa aprovou em caráter de urgência, na noite desta segunda-feira (26/11), o  projeto de lei que determina a promoção de professores através da realização de cursos de atualização.
O projeto de lei foi aprovado com a votação de 38 votos a favor e 8 contra.
Veja o parecer do relator, deputado João Bonfim (PDT):
“Parecer – Das Comissões de Constituição e Justiça, Educação, Cultura, Ciência e Tecnologia e Serviço Público, Defesa do Consumidor e Relações de Trabalho e Finanças, Orçamento, Fiscalização e Controle, ao Projeto de Lei nº 20.047/2012, de autoria do Poder Executivo, o qual “Estabelece normas de promoção da Carreira do Magistério Público do Ensino Fundamental e Médio do Estado da Bahia para os anos de 2012 e 2013, altera a sua estrutura, e dá outras providências.”
O projeto que ora passo a relatar, por designação do Sr. Presidente da Mesa dos trabalhos desta Sessão Plenária, enviado à Assembléia Legislativa pelo Exmº Sr. Governador do Estado, destina-se a estabelecer normas de promoção da Carreira do Magistério Público do Ensino Fundamental e Médio do Estado da Bahia para os anos de 2012 e 2013, de modo a “permitir a continuidade dos esforços direcionados à melhoria da qualidade do ensino na Bahia”, conforme registra o Chefe do Executivo em sua Mensagem, na qual ressalta ainda que a reestruturação da referida Carreira ocorrerá “por intermédio da realização do Curso de Atualização em Práticas Pedagógicas, instituído por ato da Secretaria da Educação, com o intuito de aprimorar a profissionalização dos Professores e Coordenadores Pedagógicos.”
De acordo com o art. 3º da proposição, as promoções ocorrerão de um Grau para o imediatamente superior, dentro do mesmo padrão, observados os seguintes requisitos: I – ser o servidor ocupante de cargo permanente de professor ou Coordenador Pedagógico e ter sido enquadrado nos termos da Lei nº 10.963/2008; II – estar em efetivo exercício no âmbito da Secretaria da Educação; III – ter participado e concluído as etapas do Curso de Atualização em Práticas Pedagógicas, sendo que, para a promoção em 2012, exigir-se-á a conclusão da primeira etapa do curso, com frequência mínima de 75% da carga horária e, para a promoção em 2013, exigir-se-á a conclusão do curso, também com frequência mínima de 75% da carga horária.
O projeto cuida ainda de promover alteração na Lei nº 10.963/2008, modificando a estrutura da Carreira do Magistério Público do Ensino Fundamental e Médio, passando os cargos a ser estruturados em 4 Padrões com 11 Graus cada, de acordo com a titulação e observado o regime de carga horária, conforme consta do Anexo Único, o qual traz também a remuneração proposta, variando entre R$ 829,97 (Padrão P, que é o inicial da Carreira, Grau I, regime de 20 hs) até R$ 6.236,16 (Padrão D, que é o último, Grau VII, que é também o último da Carreira).
Trata-se, portanto, de matéria de relevante interesse público, porquanto vem introduzir melhorias nos padrões remuneratórios e de qualificação desta que é, sem dúvida, uma das mais importantes carreiras de servidores públicos. A proposição recebeu um total de 5 emendas, sendo as duas primeiras de autoria do Deputado Capitão Tadeu Fernandes e as demais da Liderança da Minoria.
A emenda nº 1 propõe a inclusão de um novo artigo ao projeto, estendendo a todos os integrantes da Carreira, inclusive aos aposentados e pensionistas, os benefícios da Lei nº 12.364/2011. Opino pela rejeição, uma vez que a Lei nº 12.364, de 25 de novembro de 2011, é objeto de revogação, constante no art. 14 do Projeto de Lei nº 20.047/2012; logo, aprovado o mesmo, a referida Lei perderá sua eficácia.
Por outro lado, ainda que a norma mencionada não fosse objeto de revogação pela proposição em apreço, a emenda proposta acarreta aumento de despesa em projeto de Lei de iniciativa privativa do Governador do Estado, o que é vedado pelo inciso I do art. 78 da Constituição Estadual.
A emenda nº 2 propõe a revogação do § 1º do art. 9º da Lei nº 10.963/2008, visando manter os reajustes programados para a Carreira, de 3% em 2013 e 4% em 2014. Argumenta-se na justificativa que tal reajuste atende às reivindicações do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia - APLB. Opino também pela rejeição. Ocorre que o Projeto de Lei nº 20.047/2012 é também resultante de negociações com as representações das carreiras integrantes do Magistério Público Estadual do Ensino Fundamental e Médio do Estado da Bahia, em substituição ao acordo que resultou na edição da Lei nº 12.364/2011, além de apresentar normas para promoção dos servidores da educação, a qual deve ocorrer nos anos de 2012 e 2013.
Ademais, a aceitação da emenda apresentada afronta o disposto no inciso I do art. 78 da Constituição Estadual, o qual veda emenda que contenha aumento de despesas em projetos de iniciativa privativa do Governador do Estado.
A emenda nº 3 propõe alterações no parágrafo único do art. 6º e no § 2º do art. 7º do projeto, acrescentando, em ambos os dispositivos, a expressão “ato administrativo vinculado”, sob o argumento de que o ato concessivo da promoção possui natureza vinculada, e não discricionária, “não cabendo à Autoridade Administrativa responsável pela promoção se valer de critérios outros de conveniência e oportunidade da Administração Pública”, por se constituir, a promoção, “em direito constitucionalmente garantido aos servidores públicos efetivos”, e que, portanto, deve ser concedida sempre que os critérios estabelecidos em lei para tanto sejam atendidos. Opino pela rejeição da emenda, considerando que a proposta, no momento em que condiciona o caráter do ato administrativo de competência exclusiva de integrante do Poder Executivo, se caracteriza como verdadeira ingerência do Poder Legislativo no Executivo Estadual, desrespeitando, assim, o principio da independência e harmonia dos Poderes, constitucionalmente consagrado.
Em outra perspectiva, o art. 12 do Projeto de Lei nº 20.047/2012 faz menção à Lei Complementar nº 101, de 04 de maio de 2000 - Lei de Responsabilidade Fiscal, à Lei Federal nº 4.320, de 17 de março de 1964, que estatui normas gerais para elaboração e controle dos orçamentos também dos Estados, e à Lei Estadual nº 2.322, de 11 de abril de 1966, que disciplina a administração financeira do Estado da Bahia, pelo que se demonstra que os gastos públicos, inclusive com despesas com pessoal, devem estar balizados pelas diretrizes estabelecidas pelo Poder Executivo.
Portanto, a proposta ainda fere o disposto no inciso I do art. 78 da Constituição Estadual, que veda emenda que contenha aumento de despesas em projetos de iniciativa privativa do Governador.
Dessa forma, considerando que a emenda está eivada de inconstitucionalidade, seja por inobservância do princípio da separação dos poderes ou por gerar aumento de despesa em projeto de lei de iniciativa privativa do Chefe do Poder Executivo, deve ser rejeitada.
A emenda nº 4 propõe alterações no art. 10 do projeto, de modo a excluir o Anexo Único, que traz a nova tabela dos Padrões, Graus e remuneração da categoria. Opino pela rejeição, uma vez que a proposta implica em aumento de despesa para o Poder Executivo, já que, mantido o quadro original, a promoção disciplinada no projeto de lei em foco comprometeria valores além daqueles que foram projetados, enquanto que o inciso I do art. 78 da Constituição do Estado veda a aprovação de emenda que contenha aumento de despesas em projetos de iniciativa privativa do Governador, situação esta configurada na presente emenda, o que a torna inconstitucional.
A emenda nº 5 propõe alteração no art. 14 do projeto, acrescentando a expressão “da mesma forma”, sob o argumento de evitar-se a revogação da Lei nº 12.364/2011, que estabeleceu o aumento de 3% para a categoria em outubro de 2013 e 4% em outubro de 2014. Rejeito também esta emenda. Ocorre que, em que pese a Lei nº 12.364/2011 ter sido resultante de acordo entre a categoria profissional e o Poder Executivo, o seu conteúdo foi substituído o seu conteúdo foi substituído por novo acordo firmado no ano corrente, pelos mesmos agentes, razão pela qual a referida norma deve ser revogada em sua totalidade.
Afora isso, a manutenção da vigência da Lei nº 12.364/2011 em paralelo com a aplicação das vantagens dispostas no projeto em análise, por meio de emenda parlamentar, resultará em aumento de despesa com pessoal, o que é vedado pela Constituição Estadual, na forma do supracitado inciso I do art. 78 da Carta Estadual, que não permite a aprovação de emenda que contenha aumento de despesas em projetos de iniciativa privativa do Governador, entre os quais se inclui a presente proposição, segundo o disposto no inciso II do art. 77 da Constituição Estadual, que determina a iniciativa privativa do Governador do Estado os projetos de lei que disponham sobre criação de cargos, funções ou empregos públicos na administração direta, autárquica e fundacional ou aumento de remuneração.
Ante o exposto, e considerando que a proposição atende os requisitos de legalidade e constitucionalidade, opino pela sua aprovação na forma originalmente apresentada pelo Poder Executivo."

Fonte: Tribuna da Bahia

Brasil pode ter 12 novos partidos; legenda de mulheres já reúne 478 mil assinaturas

11/26/2012 06:00:00 PM


Brasil pode ter 12 novos partidos; legenda de mulheres já reúne 478 mil assinaturas
Foto: Reprodução/O Globo
As mulheres correspondem a 52% da população brasileira e há 80 anos conquistaram o direito de votar. Mas a participação feminina na política ainda é pequena, apesar de a legislação eleitoral garantir que 30% dos candidatos dos partidos sejam mulheres. Com o título de “Partido da Luluzinha”, texto publicado na coluna do jornalista Ancelmo Gois, na edição deste domingo (25) do jornal O Globo, revela que 12 novas legendas estão em processo de formação no Brasil e uma delas é o PMB: Partido da Mulher Brasileira. Segundo Gois, desde 2008, a presidente do PMB, Suêd Haidar, percorre o país em busca de assinaturas para o registro definitivo do partido no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) – mesmo processo pelo qual passou o PSD, de Gilberto Kassab. O colunista relata que Suêd já conseguiu 478 mil e faltam 75 mil assinaturas. O PMB já montou diretórios em 11 estados e somente três presidentes regionais são mulheres. Suêd admite a dificuldade de encontrar mulheres interessadas em atuar na vida político-partidária. Ela contou ao colunista de O Globo que uma militante não entrou para a sigla porque o marido foi contra. 
 
Fonte: BN

Irecê: Bandidos explodem caixa eletrônico em posto de combustível

11/26/2012 05:50:00 PM

Caixa eletrônico ficou totalmente destruído
Bandidos explodiram um caixa eletrônico do Banco do Brasil na madrugada desta segunda (26), em Irecê, a 474Km de Salvador, no centro-norte da Bahia. O terminal funcionava em posto de gasolina, no centro da cidade. Os criminosos usaram ‘bananas’ de dinamites para explodir o caixa. Uma das dinamites não explodiu e foi levada por policiais para o departamento de polícia técnica. Pessoas que moram próximo do posto, relataram que ouviram um grande estrondo e um carro saindo em alta velocidade. A polícia ainda não sabe informar quanto os bandidos conseguiram levar. (Irecê Repórter)

Raios, trovões, nuvens escuras e Chuva forte em Sento Sé

11/26/2012 09:06:00 AM
A chuva continua caindo em Sento Sé e parte da região. Na ultima sexta-feira, 23/11, uma forte chuva que caiu no municipio alegrou o homem sertanejo, diminuindo o sofrimenrto dos animais, seres humanos e plantações.
A madrugada desta segunda-feira, 26/11, foi marcada com uma chuva forte, raios e trovões em alta densidade. Hoje pela manhã a sede do municipio foi de muito calor, num verdadeiro mormaço por conta da umidade do ar.
O período vespertino começa com muitas nuvens, chuva forte aos arredores da cidade especialmente do lado de Remanso e Bem Bom no municipio de Casa Nova e com previsão de cair mais uma vez em Sento Sé.
Na foto o tempo agora em Sento Sé. Imagem gerada às 14h04min.


MP quer mais transparência nos portais internet de municípios baianos

11/26/2012 02:27:00 AM

Assunto foi analisado em workshop por 43 promotores de comarcas
Foto: ASCOM MP
Adaptar as páginas oficiais na internet dos 43 municípios com mais de 50 mil habitantes na Bahia, de modo que eles atendam aos critérios de transparência exigidos pela Lei de Responsabilidade Fiscal acerca da transparência das contas e das informações públicas. Com o objetivo de discutir essa adaptação, foi realizado hoje na sede do Ministério Público estadual, no CAB, o 'Workshop sobre Adaptação dos Portais de Transparência', promovido pelo Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça e Cidadania (Caoci), por intermédio do Grupo Especial de Defesa do Patrimônio Público e da Moralidade Administrativa (Gepam), da Assessoria da Gestão Estratégica e do Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional (Ceaf), em parceria com o programa o 'MP e os Objetivos do Milênio'. 

Parte da campanha 'O que Você tem a ver com a Corrupção', o encontro reuniu os promotores que atuam nas 43 comarcas abrangidas pelo projeto, para os quais foi apresentado um estudo realizado pelo MP onde se comprovou a existência de uma série de incongruências nos municípios a serem atendidos até 2013. 

De acordo com o coordenador do Caoci, promotor de Justiça Valmiro Macedo, cabe ao MP fiscalizar a aplicação da norma nos municípios. “Começamos pelos maiores municípios, mas, ainda em 2013, devemos realizar trabalho semelhante nas cidades com população entre 10 mil e 50 mil habitantes, lembrando que, em todos os municípios, a transparência é uma obrigação do gestor”, ressaltou o promotor de Justiça. Valmiro Macedo acrescentou ainda que o trabalho do MP terá como objetivo também a conscientização da população. “É preciso fomentar a cultura da transparência para obter um verdadeiro controle social e isso só se faz com cidadãos engajados”, concluiu.

Fonte: Bahiaja

Dilma: “O PT não manda no meu governo; quem manda no meu governo sou eu”

11/26/2012 02:17:00 AM


Em dado momento da reunião com as bancadas do PTB e do PR na semana passada, um senador citou nomeações que o PT fizera no governo, Dilma Rousseff bateu na mesa, cortou sua palavra e disse com todas as letras: - O PT não manda no meu governo; quem manda no meu governo sou eu.

Fonte: Bahia Reporter

Bahia ganha mais uma embaixada do Flamengo: A Fla-remanso

11/26/2012 02:10:00 AM
)


Neste sábado (24) na sede da FLA-Juazeiro (espaço interno do Lua Rio) após o jogo Flamengo 1 x 1 Vasco, aconteceu o lançamento do CD “Centenário de Paixão”, uma homenagem dos embaixadores aos 100 anos de futebol do clube do Flamengo. A FLA-Juazeiro está presente na faixa seis com a música “Meu Mengo – Paixão sem fronteiras”, composta por Luiz Hélio (letra e produção musical) e Davi Siqueira (melodia, voz e violão), com participação especial da cantora maranhense Zélia Grajaú.
“Meu Mengo” é uma composição tipicamente ribeirinha, inspirada em ritmos populares da cultura sanfranciscana, como o São Gonçalo e o Samba de Véio. O CD custa R$ 10 reais e é composto de 12 músicas dos mais variados ritmos, como o samba, o pagode, o rock, o sertanejo e o “carranca beat”, todas exaltando a alegria de ser Flamengo.
No Bar e Restaurante Lua Rio foi oficializada a Embaixada da Nação da cidade de Remanso organizada pelo radialista Nilton Show. Indicada pelo presidente da FLA-Juazeiro, agora a FLA-Remanso, assim como a FLA-Ilhéus, integra o grupo de oito embaixadas do Flamengo na Bahia, que ainda tem FLA-Jacobina, FLA-Irecê, FLA-Jequié, FLA-Valença e FLA-Bahia (Salvador).
Na solenidade de diplomação na Gávea a FLA-Remanso foi representada pelo o presidente da FLA-Juazeiro, Luiz Hélio entregou oficialmente o diploma ao presidente Nilton Show. O evento ainda teve a entrega da premiação à musa da FLA-Juazeiro, Shirlei Anne Granja, eleita 2ª princesa no Concurso Musa das Embaixadas.
VITÓRIA NA PRIMEIRA DIVISÃO
O sábado também foi de festa para a torcida rubro-negra do Vitória que após empate em 1 a 1 com o Ceará, no Barradão, em Salvador, consagrou o seu retorno à primeira divisão do futebol brasileiro. Em Juazeiro, torcedores do Vitória fizeram a festa.

Fonte: Blog Geraldo José

Rixa política matou prefeito e primeira-dama de Jussiape

11/26/2012 02:05:00 AM
O autor do massacre de Jussiape, Claudionor Galvão de Oliveira, o Colon, 43 anos, saiu de casa na manhã de sábado sabendo exatamente o que ia fazer. Conforme acreditam os amigos e testemunhas, o ataque de fúria foi planejado. Saiu de casa com uma espingarda nas mãos, um revólver calibre 38 na cintura e munição amarrada ao pescoço, pronto para não mais voltar.

Seu primeiro alvo foi o diretor da Embasa, Oderlange Pereira Novaes, 46 anos, que tomava uma cerveja em um bar, na praça da cidade. Entrou no local por uma porta lateral, avisou ao proprietário que a dívida que tinha a receber, fosse paga a uma prima, ficou diante da vítima e desferiu o tiro de espingarda à queima-roupa. Na cabeça, sem chances de defesa.

“Todo mundo na cidade tinha medo dele, porque era um grande caçador de veados, sabia atirar”, observa o irmão de Oderlange, o comerciante Edson Pereira Novaes, de 45 anos. “Ele chegou sem dar uma palavra, depois saiu andando tranquilamente, trocando a cápsula da espingarda, uma frieza impressionante”, relata Luiz Rodrigues, 52 anos, que estava na mesa do bar na hora do ataque.

A partir de então, foi quase uma hora de pânico e correria na pequena Jussiape, a 530 quilômetros de Salvador, na área sul da Chapada Diamantina. Comerciantes fecharam as portas e as pessoas corriam. Um policial chegou a tentar deter Colon, mas foi atingido na perna.

Determinado, Colon foi em direção à casa do prefeito reeleito Procópio Alencar (PDT), de 75 anos, e encontrou, no caminho, a primeira-dama Jandira, 71, que ia à feira da cidade. Atingiu ela com um tiro na nuca e seguiu para o consultório médico de Procópio, que fica do lado de sua residência. “Ele disse ao meu pai: ‘matei sua esposa e vim aqui te matar’. Meu pai começou a chorar e dizer que ele não fizesse isso, se não acabaria com a própria vida”, relata o filho de Procópio, Robson Alencar.

Colon não atendeu ao pedido de clemência: pediu ao paciente que presenciou o diálogo que saísse e somou mais uma morte com um tiro na cabeça. “Na saída, ao ver minha mãe tendo espasmos, deu mais dois tiros para confirmar a morte”, relatou Robson.

Sua lista era mais longa, e até a chegada de reforço policial, ele teve tempo de ir à casa de diversos inimigos que esperava levar consigo. O principal deles era o presidente da Câmara e vice-prefeito eleito, Gilberto Freitas (PSC), que quando soube que estava na mira, trancou-se na Câmara Municipal.
Colon foi até a casa de Gilberto, onde estava sua mulher, Eliene de Freitas, de 28 anos. Após dezenas de chutes na porta, foi para a casa do pai do vereador, Nadir Freitas, de 82 anos. Chegou a apontar a arma para o idoso, mas desistiu de executa-lo após apelos de um neto.

Partiu em busca também de Edson, irmão de Oderlange: “Eu me tranquei dentro do salão. Ele passou lá, tentou arrombar, mas não conseguiu”.
Na sua saga, foi ainda nas casas de João Batista Trindade, dono de um posto de gasolina, do ex-prefeito Sílio Souza, e de um rapaz de prenome Girlênio, a quem creditava a morte por envenenamento de um cachorro de caça seu. Seu último alvo foi um policial militar que chegou após a notícia da matança. Givanildo dos Santos Alves foi baleado na cabeça e segue internado em estado grave, no Instituto Brandão de Reabilitação, em Vitória da Conquista.

Motivação
O motivo de toda a discórdia gira em torno da concessão de um quiosque público, onde Colon mantinha um bar. Ele teve o direito de explorar o local adquirido em 2009, quando Vagner Neves Freitas, amigo pessoal, era prefeito. Após a cassação do aliado em 2010, naquele mesmo ano quem assumiu foi Procópio Alencar, que logo achou problemas na licitação e resolveu cancelar o contrato uso do ponto. Na eleição deste ano, Vagner estava inelegível, mas colocou na disputa sua mulher, Vânia Novais, que recebeu apoio de Colon. Ela foi derrotada.
"A lei foi feita para o prefeito roubar à vontade"
O ex-prefeito Vagner Freitas (PTB) foi cassado em junho de 2010 por quebra de decoro, após ter proferido uma série de declarações polêmicas na cidade, a exemplo de: “A lei foi feita para o prefeito roubar à vontade. Ele pode roubar mesmo, que não acontece nada. A única verdade é essa: a lei foi feita para o político roubar à vontade. É pura mentira. Lei de responsabilidade fiscal é mentira”.
“Vagner, que já cumpriu pena no presídio do Carandiru, em São Paulo, por crime  de formação de quadrilha. Ele também fazia vários ataques à Câmara Municipal e vereadores. Inclusive, sua cassação foi feita pelos vereadores do município: “Vereador só vota por dinheiro! A mamadeira quebrou!”, disse à época. Depois de cassado, o médico Procópio Alencar assumiu. Este ano, Procópio concorreu contra a esposa de Vagner, e ganhou. 

Fonte: Correio da Bahia

Diretor da ANA preso pela PF foi apadrinhado por Lula e Dirceu

11/26/2012 01:50:00 AM
Diretor da ANA preso pela PF foi apadrinhado por Lula e Dirceu
Foto: ANA / Divulgação
Um dos alvos da operação Porto Seguro da Polícia Federal, o diretor da Agência Nacional de Águas (ANA) Paulo Rodrigues Vieira teve padrinhos poderosos para chegar ao cargo: o então presidente Luiz Inácio Lula da Silva, sua secretária particular em São Paulo, Rosemary Noronha, e o ex-ministro José Dirceu. Mas a aprovação da indicação para a ANA provocou muita polêmica no Senado. O nome de Vieira foi rejeitado em duas votações em 2009, mas o Palácio do Planalto não aceitou a decisão. Pressionado pelo presidente, o então líder do governo, Romero Jucá (PMDB-RR), pediu e o senador Magno Malta (PR-ES) recorreu à Comissão de Constituição e Justiça para que as votações em que a indicação fora rejeitada fossem anuladas. No ano seguinte, mesmo com parecer da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) contrário à anulação da votação, o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), colocou a indicação novamente em apreciação e, desta vez, Vieira teve o nome aprovado para dirigir a agência como queriam seus padrinhos. Em votação secreta, o nome de Vieira foi aprovado com o voto de 28 senadores da base, 15 contra da oposição, e uma abstenção. A aprovação de uma indicação que já havia sido rejeitada duas vezes causou revolta entre os líderes da oposição, que entraram com um pedido de cancelamento da votação à Mesa. Mas o recurso não prosperou. Vieira foi nomeado por Lula em maio de 2010 para o cargo com um mandato de quatro anos. Informações do jornal O Globo.

5 Deputado cobra esclarecimento do governador sobre telefonema da chefe de gabinete da Presidência

11/26/2012 01:48:00 AM
por Bárbara Souza
Deputado cobra esclarecimento do governador sobre telefonema da chefe de gabinete da Presidência
Foto: Max Haack/ Ag. Haack / Bahia Notícias
Em contato com o Bahia Notícias, o presidente do PMDB na Bahia, deputado federal Lúcio Vieira Lima, cobrou um esclarecimento do governador Jaques Wagner (PT) sobre o contato que, de acordo com relatório da Polícia Federal, a ex-chefe de gabinete da Presidência em São Paulo, Rosemary Nóvoa de Noronha, teria feito com o petista, com o objetivo de agendar um encontro do chefe do Executivo estadual com pessoas ligadas ao empresário Paulo Rodrigues Vieira, então diretor-geral da Agência Nacional de Águas (ANA), preso na Operação Porto Seguro. “O governador tem a obrigação de vir a público para esclarecer o que essas pessoas queriam e se foram atendidas”, disse Lúcio ao BN. Na sua avaliação, como “já está confirmado que esta senhora (Rosemary) articulava reuniões com pessoas que lesavam o erário público”, o pressuposto é de que a intenção das pessoas ligadas a Paulo Rodrigues Vieira era tratar de “assuntos não republicanos” e,  “por isso mesmo, cabe ao governador esclarecer se houve o encontro, qual era o assunto e o que foi feito”, afirma o peemedebista. Lúcio Vieira Lima disse ainda que Wagner “não tem culpa de receber um telefonema”, nem se pode exigir que o governador lembre “que recebeu ligação dela, afinal, a memória de ninguém é infalível”. Por outro lado, ressalta o parlamentar, se o governador não prestar esclarecimentos sobre o que aconteceu, “aí, sim, ele vai estar na pior suspeição”. Segundo o G1, a Polícia Federal diz que os irmãos Paulo e Rubens Rodrigues Vieira também pediram a Rosemary para ser apresentados ao ex-governador da Bahia César Borges (PR), “porque ele seria ‘o futuro vice do PR, Partido da República, no BB’. Em maio deste ano, Borges foi nomeado vice-presidente de governo do Banco do Brasil”. Questionado se a cobrança por esclarecimento público feita ao governador Jaques Wagner se estenderia a César Borges, Lúcio Vieira Lima foi genérico. “Se estende a todos que atenderam ou não a um pedido dela (Rosemary Noronha)”, concluiu. 

Fonte: BN

domingo, 25 de novembro de 2012

CAUSOS E COISAS

11/25/2012 05:08:00 AM

A lenda do Romãozinho

Como em muitas cidades do interior da Bahia, Santa Maria da Vitória também possui suas lendas. E a mais conhecida é a história de Romãozinho. Ele era um filho de agricultor e se tornou uma entidade demoníaca que assombra as pessoas, os animais, vive jogando pedras no telhado e destruindo plantações. Pelo menos é o que conta Clemente Santos Barros, 79 anos. Ele afirma nunca ter visto o endiabrado aprontando, pois é um conto antiga de quase 80 anos. “Eu nunca quis ver. Era muito criança naquela época, tinha medo. Mas ele aparecia todos os dias. Eu só via seus maus feitos.” Emocionado, ele conta que o padre José Lélis, fez as orações em sua casa para espantar o espírito. “Se não fosse este padre até hoje a minha casa estaria sendo assombrada por Romãozinho.”
Saindo às ruas de Santa Maria é difícil não encontrar alguém que nunca tenha ouvido falar neste relato. Mas a maioria deles prefere não comentar o assunto com medo do dito cujo. O que é muito diferente entre os jovens da região. Lucas Santana, 19 anos diz não acreditar neste causo. “Isso é coisa de gente mais velha. As pessoas da minha idade não estão preocupadas com este assunto. Estão mais envolvidas nos estudos, e nas novas tendências tecnológica.”
Mas Fred Bandeira, funcionário público afirma ter visto o espírito algumas vezes: “Já vi panos da cozinha pegando fogo do nada, estrume de cavalo, vaca dentro de casa. Tudo isso obra do Romãozinho.” Mesmo assim ele acredita que “estas lendas são mais conhecidas na zona rural e atualmente as pessoas não se preocupam mais em contar essas histórias a seus filhos. Isso precisa ser preservado, fortalecido para outras gerações.”
Ainda segundo Lucas, hoje essa história não assusta mais ninguém. “É coisa velha, não tem mais valor. É como falar da mula-sem-cabeça, do saci Pererê.” De qualquer forma quem encontrar Romãozinho por aí é melhor está preparado. Pois não existe desconjuro. “É melhor rezar o Pai Nosso e uma Ave Maria”, completa Bandeira.

Fonte: bahiadetodososcantos.com.br

 

A história do território de Irecê

11/25/2012 05:03:00 AM
Questão de segurança nacional. Este é o status dado ao território de Itaparica pelo Ministério das Minas e Energia. Não é pra menos. A força represada do Rio São Franciscoem Paulo Afonsoabastece oito dos nove estados nordestinos com energia elétrica. A Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf), que vende esta energia, simplesmente construiu a cidade de Paulo Afonso para abrigar seus operários e engenheiros. Aliás, quem é pauloafonsino da gema costuma dizer “sou filho do acampamento”.
Gerente da Divisão Regional de Operação de Operação da Chesf (Centro), Elerson Silva explica que dali “já está sendo comercializada energia também par5a outros países como a Argentina, além de outros estados brasileiros”. Paulo Afonso é  hoje uma metrópole regional com uma população de 108 mil habitantes. A cidades tem ruas largas e bairros bem planejados, lembrando o Centro de Feira de Santana. Lá existem em operação cinco usinas hidrelétricas: a de Apolônio Sales, Paulo Afonso I, II, III e IV.
O território de Itaparica é formado por seis municípios: Abaré, Chorrochó, Glória, Macururé, Paulo Afonso e Rodelas. Três estados do Nordeste fazem fronteira com ele (a partir de Paulo Afonso): Pernambuco, Sergipe e Alagoas. A partir desta fronteira, uma nova dimensão se dá na economia local. Tudo começa com a inauguração da primeira Usina de Paulo Afonso em 1955 pelo presidente Café Filho.
PIONEIRO – Mas o pioneiro da geração de energia hidrelétrica no Nordeste foi o cearense Delmiro Gouveia (1863-1917) que, em 1913, obteve esta fonte energética a partir da Cachoeira de Paulo Afonso, que divide a Bahia de Alagoas naquele trecho. O empreendimento chamou-se Usina de Angiquinho, situada no lado alagoano da margem, na cidade de Pedra (atual Delmiro Gouveia). Restaurada pela Chesf, Angiquinho hoje é objeto de visitação de turistas que podem fazer a apreciação a partir de Paulo Afonso ou mesmo a visitação, pelo vizinho estado de Alagoas.
Delmiro foi assassinado em circunstâncias misteriosas em 1917 mas deixou um legado de prosperidade em uma região castigada pelo flagelo das secas. Com isso a região de Paulo Afonso, incluindo seus vizinhos próximos nos estados de Alagoas, Sergipe e Pernambuco, experimentaram  um surto de desenvolvimento da indústria algodoeira, movida agora por esta energia.
TESOURO ARQUOLÓGICO – Distante da urbanidade e do concreto das barragens, na zona rural de Paulo Afonso, há um tesouro pictórico que só recentemente começou a ser estudados pelo Centro de Arqueologia e Antropologia de Paulo Afonso, (Caapa), vinculado á Universidade Estadual da Bahia. Trata-se do sítio arqueológico conhecido como o Complexo de Malhada Grande, situado a18 kmda sede.
Ali, em tinta vermelha, o homem das caatingas, antes da chegada dos colonizadores, representou a si próprio e desenvolveu também outros padrões geométricos que se assemelham às pinturas ritualisticas praticadas pelos índios que, ainda hoje, vivem nas margens do Rio São Francisco. Parte das pinturas está em cavernas, parte em pedras expostas ao tempo. Estas pedras ou cavernas onde há pinturas são chamados de matacão.
“Que essa relação existe, existe e também é real. Se formos olhar as pinturas nas cerâmicas ou mesmo as pinturas de peles que os índios tuxás de Rodelas ou os tumbalalás realizam, nota-se a semelhança com estes painéis mas é preciso pesquisar mais a fundo para fazer uma afirmação”, explica o arqueólogo do Caapa, Salomão Vergne. “Estes painéis são provas de que uma comunidade quis registrar algo, quis visualizar algo nos seus processos rituais”, completa.
Vergne explica, ainda, para os mais afoitos, que nem toda pintura rupestre é pré histórica. “Para se afirmar isto é necessário fazer a escavação na área em volta e a posterior datação. Após encontrarmos pedaços de lítio ou barro de cerâmicas é que a gente faz a datação e estabelece uma linha temporal, explica o arqueólogo do Caapa.
Uma das grandes ameaças ao sítio arqueológico de Malhada Grande nas últimas décadas foi a existência das atividades de pedreiras, que funcionaram por ali por um período de aproximadamente 30 anos. Com a instalação da Chesf e a efetiva construção de Paulo Afonso, muito do que foram os painéis deixados na caatinga pelos antepassados virou paralelepípedoem Paulo Afonso.“Um dos nossos desafios é tornar essa preservação das pinturas em algo sustentável é dar à comunidade que trabalhava quebrando pedras algo para que possa suprir suas necessidades agora”, finalizou.
TUXÁ – O povo tuxá é uma das raras tribos riberinhas do rio São Francisco que não foram dizimadas pelo avanço dos currais de bois na colonização do sertão baiano. Boa parte do grupo vive em Rodelas, a580 kmde Salvador. A cidade, aliás, deve seu nome a eles pois, em 1630, os tuxás, sob o comando do Cacique Francisco, ajudaram a Felipe Camarão a expulsar os holandeses do Brasil na Batalha de Guararapes,em Pernambuco. Cadaholandês que Francisco matava, arrancava as rodelas (rótulas) do joelho e pendurava num colar. Virou Francisco Rodelas.
Com a construção da Barragem de Itaparica, no Rio São Francisco, em1988, aIlha da Viúva, onde era sediada a tribo e enterrado seus mortos foi pra debaixo d´água. Sob protestos, a maioria foi transferida para uma nova Rodelas, construída pela Chesf, que destinou a ales um dos novos bairros da nova cidade, levantada do zero. Outros grupos foram para Ibotirama e Inajá, em Pernambuco.
Atualmente eles tem seis caciques. Um deles é Raimundo Tuxá que, com seu grupo de 80 famílias, estão construindo uma nova aldeia pois entraram em divergência interna com os demais. “Estamos começando a nossa aldeia e deixando forte a nossa cultura. Estamos esperando que o nosso grupo ganhe as terras que o governo federal nos deve para que possamos desenvolver nossos alimentos e também para que possamos plantar o coco irrigado, que é o produto que tem dado certo aqui”.
Os tuxás realizam duas cerimônias: o toré, onde é permitida a apreciação dos não-índios e o particular, onde o ritual fica restrito aos integrantes da tribo. No toré, são distribuídas duas bebidas: a cura e a jurema. Esta última feita a partir da raiz da planta que é machucada e fervida. No Particular as ingestões de bebidas e de um fumo especial, misturado com outras ervas, são maiores e em locais mais afastados.

Fonte: bahiadetodososcantos.com.br
Home Ads