SENTO SÉ: VELORIO DA IRMÃ STELLA NA IGREJA MATRIZ

Foto: Osiel Amaral
Pouco antes das 10 horas da manhã, desta terça-feira (13) o corpo da Irmã Stella chegou a Igreja Matriz de São José,  localizada na principal praça da cidade, onde foi celebrada uma missa de corpo presente pelo Pároco Padre Josemar da Diocese de Juazeiro e permanecerá no local até a saida do cortejo funebre que será a partir das 16h30min.

Leia o depoimentos de algumas personalidades sobre a morte da Irmã Stella:

A Ex-vereadora e Educadora Maria Café disse: “ O falecimento da Irmã Stella é uma perca muito grande para Sento Sé. Ela era como uma mãe para esta comunidade. Se preocupava com o bem estar das pessoas. Tinha um espírito muito grande para querer ajudar”. Assim definiu: “...A Irmã Stella foi uma grande heroína em todos os sentidos e setores especialmente na  educação, praticamente 18 no Colégio Sete de Setembro. Criou um pensionato e dava de tudo a dezenas de crianças e jovens pobres do interior do município”.
Professora Bebeta – A Irmã Stella e o Padre Marcos Tillia, fizeram muito pela vida social, saúde, educação e religiosidade da cidade. Foram grandes aliados da população, quando da construção da Barragem de Sobradinho, especialmente pela amizade de ambos com a Diretoria da Chesf. É uma perca irreparável – Concluiu!
Padre Claudimiro: É uma perca enorme para Sento Sé. Sento Sé com a Irmã Stella e o Padre Marcos é uma coisa. Sem a Irmã Stella e praticamente, sem o Padre Marcos será outra coisa, porque a história deles estar a ser escrita novamente. O que Eles fizeram aqui, poucos homens da historia do município fizeram. Foi a luta pela educação. Como se sabe, a grande maioria das pessoas adultas e idosas do município de Sento Sé são analfabetas.Precisavam de jovens para catequese e na sua maioria eram analfabetos, por isso fundaram o pensionato escola que rendeu muitos frutos e até hoje não se tem conhecimentos de que aqueles meninos e meninas tenham feito qualquer coisa de errado e muitos estão formados e bem situados na vida. Demonstração de dignidade e amor ao próximo.
A Irmã Stella chegou a Sento Sé através de um programa que existia na Diocese de Juazeiro. A principio esteve em Curaça e posteriormente o Bispo Dom Tomás a convidou para vir e aqui permaneceu até hoje.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.