quinta-feira, 17 de março de 2016

BRASIL: Em posse, Lula ofusca Dilma

por Samuel Celestino
Em posse, Lula ofusca Dilma
Foto: Reprodução / NBR
Mesmo com o ex-presidente Lula empossado como Chefe da Casa Civil, a governabilidade para ele e para Dilma vai se tornar indigesta. A crise se adensou na tarde-noite de ontem com manifestações de rua que voltaram a  ocorrer em diversos estados do País, inclusive com carreta aqui em Salvador que levou manifestantes à Barra. A crise está dentro do Palácio do Planalto, está em Curitiba, berço da Operação Lava Jato, comandada pelo juiz Sérgio Moro, atingindo, a um só tempo, toda a República. Isto ficou claro na posse de Lula, com as vaias que vieram de manifestantes que estavam em frente ao Palácio do Planalto e, impediram, por pouco tempo, que a presidente iniciasse o seu discurso que marcou a posse dos quatro ministros. O ex-presidente Lula não está bem na paisagem. Será difícil para ele cumprir a missão que a presidente a transferiu, mesmo que ela fique também como uma mera paisagem no governo. Sua missão é o diálogo com interlocutores políticos, basicamente com o PMDB que está em retirada e se afastando da base de sustentação governista. Não só. Pode ficar mais difícil para o novo Chefe da Casa Civil dialogar com os dois outros poderes republicanos. Fica claro, ainda, a partir ausência do vice-presidente, Michel Temer, à posse dos ministros. De certo modo, a crise não está mais só no segmento político, na economia, mas também envolve as ruas diante da inquietude geral que ocorre em todo o País.

Fonte: BN
Home Ads