quinta-feira, 5 de maio de 2016

BRASÍLIA: Mesmo afastado, Cunha manterá privilégios de salário e foro



O afastamento de Eduardo Cunha do mandato de deputado foi mantido unanimemente pelo Supremo Tribunal Federal (STF), após decisão liminar do ministro Teori Zavascki nesta quinta-feira (5). Apesar disso, Cunha terá direito a todos os privilégios de presidente da Câmara enquanto mantiver o diploma parlamentar. A informação é da Secretaria-Geral da Casa. 
Enquanto durar a suspensão, portanto, Cunha poderá continuar usando residência e carro oficial, terá acompanhamento de seguranças e poderá usar jato da Força Aérea Brasileira (FAB), segundo o G1.
O afastamento de Cunha foi determinado nesta manhã pelo ministro Teori sob acusação de que ele estaria obstruindo a investigação da Operação Lava Jato. A decisão foi referendada pelo pleno do Supremo Tribunal Federal nesta tarde.Outros benefícios mantidos incluem, entre outros, o foro privilegiado, salário de R$ 33.763,00 e os benefícios para auxílio-moradia, cota parlamentar e verba de gabinete de cerca de R$ 92 mil, dinheiro usado para pagar assessores.
Fonte: correio24horas
Home Ads