segunda-feira, 20 de junho de 2016

Trecho da BA 210 começará a ser recuperado na próxima semana

ba210
Em reunião promovida pelo Constesf, Seinfra se comprometeu a recuperar a via interditada por manifestantes na última segunda-feira (14)
O Presidente do Consórcio Sustentável do Território do São Francisco (Constesf) e prefeito de Sobradinho, Luiz Vicente Berti promoveu, nessa quinta-feira (16), uma reunião com o Superintendente de Infraestrutura de Transportes da Secretaria de Infraestrutura do Estado da Bahia (Seinfra), Saulo Pontes, para discutir os problemas que produtores rurais vêm enfrentando com as más condições da BA 210, motivo de protesto no início desta semana. Participaram da reunião o articulador político do Constesf, Victor Berti; o Prefeito de Sento Sé, Ednaldo Barros; o deputado estadual, Crisóstomo Lima (Zó) e os produtores rurais, Édio José dos Santos (Bozó) e Eron Shneider, representando os manifestantes.
Segundo Luiz Vicente, o governo do estado se comprometeu, em parceria com o Constesf e com as prefeituras de Sobradinho e Sento Sé, a recuperar todo o trecho do povoado de Piçarrão até a sede do município de Sento Sé. “O Constesf e as prefeituras estão firmando essa parceria com o governo do estado, onde o consórcio disponibilizará suas máquinas, para que, a partir de segunda-feira, comece a recuperação da via. Será feita uma terraplanagem no trecho de Piçarrão a Quixaba e serviços de tapa buraco no trecho entre o povoado de Quixaba e Sento Sé”, explicou.
Ainda de acordo com o presidente do Constesf, o superintendente da Seinfra garantiu que a partir de janeiro do próximo ano, o trecho da BA, entre o povoado de Piçarrão e Quixaba, será totalmente asfaltado, através de recurso do governo do estado. Durante a reunião, Saulo Pontes esclareceu que esta recuperação está inclusa no recurso de US$200 milhões, proveniente de um crédito do Banco Mundial para a segunda fase do Projeto de Reabilitação e Manutenção de Estradas na Bahia.
A via chegou a ser interditada na última segunda-feira (13), por manifestantes que querem a recuperação da estrada.  Na terça-feira (14), após uma negociação do entre o Constesf e os manifestantes, o trecho foi liberado, para que agricultores não perdessem as produções que estavam paradas na via.  “Quando fomos negociar com os manifestantes, nós já confiávamos na sensibilidade do governador Rui Costa, do próprio secretário Marcus Cavalcanti  e do superintendente Saulo,  já esperávamos que o governo do estado não ia deixar de atender às reivindicações dos manifestantes”, salientou Victor Berti.
Fotos: Felipe Henrique e Robson Moura
Texto: Ascom – Constesf
Home Ads