quinta-feira, 22 de junho de 2017

SENTO SÉ: Família denuncia negligência do Hospital de Sento Sé com paciente picado por cobra no Garimpo de Ametista

Na tarde desta última sexta-feira (16), por volta das 14:30hrs, Almir Rogério Alves, conhecido popularmente por Rogério Máquina, deu entrada no Hospital Dr. Heitor Sento Sé após ter sido picado por uma cobra cascavel no garimpo de ametista.
Segundo os familiares, foi feito um procedimento errado com o paciente. A equipe médica que estava de plantão no dia do ocorrido, ao colocar uma sonda nos órgãos genitais de Rogério, acabaram furando uma veia que ocasionou uma hemorragia profunda. A família ainda não sabe quem fez o procedimento, se foi o médico ou enfermeiros que estavam de plantão no dia do acontecimento.
Entenda o caso da negligência: ainda na sexta-feira (16) à noite, o paciente picado, tinha que ser transferido com emergência para a cidade de Juazeiro/BA, pois encontrava-se em risco de vida, e estava sangrando muito devido ao erro na aplicação da sonda. Simone Alves, parente de Rogério fez um “barraco” dentro do hospital, após o enfermeiro chefe ter dito que a SAMU do município estava em diligência desde o início da manhã e que não iria transferir ele na ambulância que estava em frente ao hospital e o mesmo disse: “O caso dele é grave, e só pode ir na SAMU.”
“É uma Injustiça! Rogério está entre a vida e a morte, não pode ser transferido, eles querem matar meu primo. Por que essa ambulância não pode ir, isso aí está de enfeite? Eu vou filmar tudo e irei jogar nas redes sociais o que estão fazendo com meu primo”, disse uma prima dele que não quis se identificar. A mesma ainda chegou ir na Delegacia e Pelotão da cidade procurando uma solução para o caso tão urgente.
Após toda confusão, a equipe do hospital autorizou a transferência do paciente. Quando o mesmo chegou em Juazeiro, os médicos disseram que se não tivesse feito a transferência urgente, Rogério poderia ter vindo a óbito. Segundo relatos, Rogério quase morre chegando na localidade de Sobradinho distante 150km de Sento Sé.
O que revolta bastante alguns da família é que a equipe médica garantiu que Rogério tinha tomado soro contra o veneno da cobra, sendo que o mesmo não chegou a tomar, pois os enfermeiros não tinham aplicado, alegando não ter no estoque do hospital. Rogério, só tomou o soro próximo ao interior de Bazuá, quando um funcionário do hospital teria saído de Sento Sé e levado até a ambulância onde encontrava-se o paciente.
“Eles mentiram para nossa família dizendo que Rogério tinha tomado o soro. Deveria ter dito para a gente que ele não havia tomado, que tinha que fazer a transferência dele com urgência, só mentindo, só mentindo! Esse é o governo que iria cuidar das pessoas. Cuidar desse jeito?” declarou a irmã de Rogério que estava acompanhando ele no hospital no momento do ocorrido.
Rogério Máquina, encontra-se internado em Juazeiro-BA e está se recuperando. A redação do Sento Sé Notícias entrou em contato com Assessoria de Impressa da Prefeitura de Sento Sé e estamos aguardando uma resposta sobre o caso.
FONTE: sentosenoticias
Home Ads