sexta-feira, 8 de setembro de 2017

BAHIA: PF cumpre mandato de prisão contra diretor da Codesal ligado a Geddel

Foto: Valter Pontes/Arquivo

PF suspeita que Gustavo Ferraz seja a segunda pessoa que entrou no bunker onde foram encontrados R$ 51 mi
Além do mandado de prisão preventiva contra o ex-ministro Geddel Vieira Lima, que acaba de ser preso esta manhã, o Ministério Público Federal (MPF) expediu um outro que está sendo cumprido pela Polícia Federal contra Gustavo Ferraz, auxiliar antigo do peemedebista e atualmente diretor-geral da Defesa Civil de Salvador (Codesal), indicado por ele. São cumpridos também três mandatos de busca e apreensão. A PF suspeita que Gustavo seja a segunda pessoa que teria estado no apartamento da Barão de Loreto, onde foi “estourado” o bunker com R$ 51 milhões atribuído ao ex-ministro dos governos Michel Temer (PMDB) e Lula (PT). O prenome Gustavo já havia aparecido numa das delações vazadas no ano passado envolvendo figuras próximas a Geddel.
Fonte: Politicalivre
Home Ads