quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

Nesta quarta-feira (13), 2.836 sócios estão aptos e terão a oportunidade de, pela primeira vez na história do Esporte Clube Vitória, votar no presidente do seu desejo. Obviamente que nem todos poderão comparecer ao Barradão por conta do horário que não favorece ao trabalhador e muito menos ao eleitor que mora longe de Salvador. O sócio terá de 8h às 20h para ir ao Estádio Manoel Barradas, especificamente na sede do projeto Vitória Cidadania (SEDUR), localizada no Estacionamento do Barradão e digitar nas urnas o número da chapa do seu candidato favorito.
Ano passado, 1.920 associados estavam aptos para votarem no Conselho Deliberativo, o qual depois de alguns dias escolheria por aclamação o presidente. Mas, 1.590 sócios votaram e com 528 votos, deu a chapa "Vitória do Torcedor" e estes indicaram Ivã de Almeida para assumir a função. Em menos de um ano no cargo, Ivã pediu afastamento por duas vezes e finalmente decidiu renunciar no dia 26 de novembro.
Este ano, cinco chapas estão inscritas para o pleito eleitoral: Ricardo Presidente, que tem Ricardo David como presidente e Chico Sales vice; Amor de Leão, tendo Raimundo Viana como presidente e Djalma Abreu vice; Vitória Unido, Vitória Forte, presidente Manoel Matos e vice Lucas Brandão; Modernizar para vencer, que tem Tiago Ruas presidente e Mateus Silva vice e a chapa Democracia Vitoriana, com Gilson Presídio para presidente e Gabriel Presídio vice.
Confira algumas informações disponibilizadas no site oficial do Vitória:
O eleitor rubro-negro passará por uma triagem (T) para ingressar em uma área restrita que o levará onde apenas ele, fiscais, atendentes e profissionais da imprensa terão acesso, e seguirá até o local da votação (V). Para votar, é necessário que o rubro-negro leve um documento de identificação original com foto. A apuração dos votos será feita após o encerramento da votação, na presença dos membros da Comissão Eleitoral e de representantes das chapas, e o resultado sairá em minutos.
Fonte: bocãonews
Home Ads