sexta-feira, 9 de março de 2018

SENTO SÉ: MORADORES DA AVENIDA DR DEMÓSTENES PEDEM AÇÃO DA PREFEITURA PARA ACABAR ALAGAMENTOS





Fotos: Osiel Amaral

Cansados de ver as águas das chuvas inundarem suas casas e constantes alagamentos na rua, 24 horas depois do temporal que caiu na cidade,  nenhuma ação da Prefeitura Municipal foi constada para cuidar das pessoas. Moradores da Avenida Dr. Demóstenes Nunes Sento Sé, trecho da Travessa da Colônia até próximo ao Canal do Tombador decidiram se mobilizar por conta própria e colocaram uma motor -bomba, tubos, combustíveis e mão de obra própria, para retirar águas de uma grande lagoa que se formou na via pública invadindo casas, destruindo móveis, danificando paredes, comprometendo a saúde das pessoas especialmente idosos e crianças. Uma Vergonha!.  Nossa equipe fez uma ronda em toda a cidade na manhã de hoje e  até o momento nenhuma ação da prefeitura foi encontrada. Sem esperar por uma iniciativa do Poder Público local moradores estão buscando soluções. Diante da situação, alguns pernoitaram em casa de parentes.
Segundo uma  moradora, que não quis se identificar, desabafou da seguinte forma: “ ... tá vendo ái ! A gente vota nessas p.... e aí Ó, o resultado”. Outro morador disse que está indignado: “... os recursos chegam todos os dias, e não é pouco, e não fazem nada”.
Se não bastassem as preocupações com alagamentos, enchentes, o risco de doenças como a leptospirose, hepatite e a dengue, que têm sintomas bem parecidos. Além disso, ferimentos causados durante a retirada de pessoas e pertences em meio aos temporais também merecem atenção.

Segundo especialistas, a leptospirose é a doença que mais preocupa uma vez que a bactéria que causa a enfermidade é transmitida por meio da urina dos ratos, presente geralmente na lama e na água suja que inunda as casas. A contaminação é facilitada pelo contato dessa água contaminada com lesões na pele, mas isso pode ocorrer mesmo com a pele íntegra, caso ela seja exposta por um tempo prolongado.

Com a palavra a Prefeitura Municipal.
PONTO DE VISTA:
Dizer o que? Que está tomando providencias? Quais?


Home Ads