sábado, 2 de junho de 2018

BRASIL: MINISTRO DO STF CRITICA’LIBERAÇÃO A GRANEL’ DE CORRUPTO

O ministro Luis Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal, segue provocador em suas análises. Considera que os corruptos são uma minoria muito bem protegida no Brasil e lamenta que essas pessoas que desviaram milhões e que mantêm suas contas no exterior sejam “libertadas a granel” de forma que desprestigia os juízes que enfrentam “a cultura de desigualdade que sempre protegeu os mais ricos.” A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Barroso vê os juízes de primeiro grau decidindo dentro da Constituição, com fundamentação adequada, “contra a cultura de leniência”.

São os juízes, segundo Barroso, que assumiram a responsabilidade de transformar o que chama de “velha ordem”.

Para o ministro, o Brasil virou “um país de ricos delinquentes que acham que podem fazer qualquer coisa e escapar da Justiça.”

Fonte: quersaberpolitica
Home Ads