sábado, 2 de junho de 2018

Uauá: 13º salário para vereadores causa polêmica; APLB Sindicato se manifesta e repudia

A indignação da população de Uauá, no norte da Bahia, sobre o pagamento de 13º salário aos vereadores do município foi pauta durante toda esta semana nos bastidores da política local. O projeto, que é considerado pelos cidadãos locais como “um abuso” dos políticos da cidade, vem provocando muito barulho, visto que o município continua enfrentando vários problemas, inclusive já divulgados anteriormente pela prefeitura.
De acordo com o site uaua.com.br, a Câmara Municipal justificou que o projeto é amparado pelo Artigo 38 da Lei Orgânica Municipal.
Por meio de nota, a APLB-Sindicato Núcleo de Uauá repudiou a aprovação do projeto – de autoria do vereador Rosevaldo Loiola – e justificou que os profissionais em educação estão há seis meses sem seus salários reajustados em 6,81%, devido a uma suposta “crise financeira” que assola o país e o município, refletindo na falta de condições básicas para a população sobreviver dignamente.
Fonte: carlosbritto
Home Ads