segunda-feira, 24 de setembro de 2018

ELEIÇÕES 2018: “Dilma desastrou o Brasil”, afirma Ciro durante campanha em Salvador

por Paulo Araújo no dia 22 de setembro de 2018 às 18:44
Foto: Reprodução
O candidato do PDT à presidência da república, Ciro Gomes, fez campanha em Salvador, neste sábado (22). Durante o cumprimento da agenda o candidato expressou fortes palavras contra rivais na corrida eleitoral.
“A Dilma desastrou o Brasil. Não é que ela seja má pessoa, mas ela chamou o Levy [Joaquim Levy, ex-ministro da Fazenda] para administrar a economia do Brasil e o Haddad agora está agarrado com o Renan Calheiros aqui do lado em Alagoas e com o Eunício Oliveira no Ceará. Então o povo que decida. Carinho pelo Lula, gratidão pelo Lula, eu tenho”, disse Ciro, criticando alianças do candidato do PT, Fernando Haddad, com lideranças políticas nordestinas.
Ciro elogiou Lula, mas, criticou o PT. “Infelizmente, tem uma fração do PT que é dominada por uma cúpula que perdeu a noção de Brasil”, afirmou. “Pra eles, pode acreditar, é melhor que o Bolsonaro destrua o Brasil para eles poderem se apresentar novamente com a mentira deles” continuou.
Sobre o líder nas pesquisas de intenção de voto, o pedetista usou termos como nazismo e fascismo. “Existe uma escalada fascista, nazista, neo-nazista no Brasil. O Paulo Guedes é o responsável por instrumentalizar sua política econômica. O jumento de carga Mourão, que é o vice, é o encarregado da SS, ou seja, Gestapo, a polícia política, da repressão”, posicionou-se Ciro.
Fonte: radardabahia
Home Ads