terça-feira, 8 de janeiro de 2019

BAHIA: MP-BA tentará acordo entre Planserv e médicos anestesistas; reunião foi remarcada para esta terça (8)

por Isabela Rocha no dia 08 de January de 2019 às 06:30
Foto: Reprodução
Nesta segunda-feira (7), após os médicos anestesistas terem suspendido o atendimento a clientes do Plano de Assistência à Saúde dos Servidores Públicos da Bahia (Planserv), o Ministério Público da Bahia (MP-BA) se reunirá com os envolvidos nesta terça (8), às 16h. O objetivo é que o plano apresente uma proposta para a categoria, que não tem reajuste nos honorários médicos desde 2015.
A reunião estava marcada para ocorrer às 16h30 dessa segunda-feira (7), mas acabou sendo adiada após os representantes do Planserv terem ido para a unidade do Ministério Público no Centro Administrativo da Bahia (CAB), e não na localizada no bairro de Nazaré, onde ocorreria o encontro. 
“A diretoria da Coopanest-BA (Cooperativa dos Médicos Anestesiologistas da Bahia) e os promotores de Grupo de Atuação Especial de Defesa da Saúde Pública (Gesau), Rogério Queiroz e Márcio Fahel, ficaram reunidos no Ministério Público de Estado, em Nazaré, aguardando os representantes do Planserv até as 17h30. Porém, devido a um ruído de comunicação, os representantes do Planserv foram para a unidade do Ministério Público, no Centro Administrativo da Bahia”, diz a nota da Cooperativa. 
A Coopanest-BA solicitou um reajuste de 40% nos honorários médicos, o que representaria R$ 12 milhões anuais aos cofres públicos. De acordo com eles, a entidade recebe menos que os valores fixados aos médicos do Sistema Único de Saúde, por exemplo.
Fonte: radardabahia
Home Ads