Breaking

Post Top Ad

Your Ad Spot

sábado, 5 de janeiro de 2019

BRASIL: "Todos morrerão juntos se reforma da Previdência não for feita", afirma Maia

por Mateus Carmo no dia 04 de January de 2019 às 17:28
Foto: © GOVESP
Nesta sexta-feira (4), o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), que busca a reeleição na Casa e já obteve o apoio do partido do presidente Jair Bolsonaro, disse que "todos morrerão" se a reforma da Previdência não for aprovada.
Em reunião com o governador João Doria (PSDB) no Palácio dos Bandeirantes, Maia obteve apoio do tucano para a reeleição e na defesa da reforma.
"Essa é a agenda principal, independente de qualquer coisa. A gente precisa de uma grande pactuação, acho que o governador João Doria tem toda capacidade de liderar isso, entre o governo federal, os governadores e os prefeitos", afirmou Maia sobre a reforma.
"Todos morrerão juntos se a reforma não for aprovada", concluiu o presidente da Câmara.
Fonte: radardabahia

Post Top Ad

Your Ad Spot

Páginas