INADMISSÍVEL, REPROVÁVEL ATITUTE ISOLADA CONTRA A IMPRENSA LIVRE

O nosso companheiro e amigo, Gabriel Philipi, Editor do "Portal Sento Sé Noticias", publicou nesta data, matéria repudiando comportamento isolado de um dos integrantes da nossa Guarda Civil Municipal. 

Leia na Integra:

Sento Sé Notícias sofre ataques de Injúria e difamação de Guarda Municipal de Sento Sé.

O Sento Sé Notícias, através de Gabriel Filliph vêm à público manifestar total repúdio às alegações proferidas à sua integridade e ao Blog por um membro da Guarda Civil Municipal (GCM) de Sento Sé, através de um perfil fake no WhatsApp, propagando injúrias e difamações. O Guarda é o mesmo que no dia 23 de Junho agrediu um comerciante no município dando um soco no peito. 

Na oportunidade, o referido cidadão proferiu adjetivos ofensivos de forma pejorativa ao Blog e a Gabriel. “Todavia, é deplorável que ao invés de argumentar e oferecer soluções, o mesmo prefere ofender e denegrir a imagem do Blog em grupos de WhatsApp. É reprovável e lastimável a atitude deste Guarda. Isto posto, lamento profundamente a sua postura e repudio às ofensas dirigidas a mim e a imprensa da qual sou fundador”, disse Gabriel.

O Caso

Confira os prints clicando aqui

O Blog recebeu vídeos/fotos e informações sobre uma Kombi que estava pegando fogo nesta última quinta-feira (30). As informações colhidas no momento do incidente, foi que pessoas que estavam no local com ajuda de um carro-pipa apagaram o incêndio (Imagens recebidas pelo blog). Logo depois a redação do Blog foi informada que o fogo foi controlado também com a ajuda da Guarda Municipal (GCM) com extintores e fizemos a modificação da matéria no dia seguinte. Revoltado pelo Blog não citar a Guarda, o mesmo saiu compartilhando ofensas em grupos de WhatsApp e logo depois propagou Fake News afirmando que somos Assessoria de Comunicação da Polícia Militar (PM) e que o blog não posta nenhuma ação da GCM em Sento Sé. 

Confira os prints das matérias no Blog mostrando ações da GCM

A Internet facilitou a comunicação, principalmente as redes sociais e cada vez mais pessoas utilizam esse espaço para expor suas opiniões, pensamentos, ideias, anseios, angústias. Só que muitos usuários pensam que podem falar o que quiser e ofender outras pessoas. Confundem o princípio da liberdade de expressão e não respeitam o próximo. Ninguém tem o direito de ameaçar, ofender, injuriar, difamar à honra e a dignidade de outra pessoa. Isso é crime”, disse Gabriel. 

De acordo com o capítulo V do Código Penal

Difamação (art. 139) é dizer que a pessoa foi autora de um ato desonroso – ou seja, sair espalhando algo sobre alguém que prejudicam sua reputação.  

Injúria (art. 140) é basicamente uma difamação que os outros não ouviram: é chegar e dizer para um sujeito algo que esse sujeito considere prejudicial. 

O Artigo 307 – A falsa identidade na Internet se refere à criação de perfis Fakes para a prática de condutas de má fé contra outras pessoas.

Capítulo II – Da conduta profissional do jornalista

Art. 3º O exercício da profissão de jornalista é uma atividade de natureza social, estando sempre subordinado ao presente Código de Ética. 

IX – respeitar o direito autoral e intelectual do jornalista em todas as suas formas; 

XIV – combater a prática de perseguição ou discriminação por motivos sociais, econômicos, políticos, religiosos, de gênero, raciais, de orientação sexual, condição física ou mental, ou de qualquer outra natureza. 

Eu, Gabriel Filliph, estarei procurando a corregedoria da GCM para que eventuais tipos de atitudes não voltem a ocorrer, pois o principal objetivo do Sento Sé Notícias é levar informações de maneira séria, profissional e voltada para a verdade dos fatos e não político/partidário.

Nosso compromisso é com você amigo(a) leitor(a). Por isso, estamos sempre preocupados com a qualidade do conteúdo que vamos disponibilizar, para todos que buscam informações com credibilidade, seriedade e respeito.

FONTE: sentosenoticias.com

PONTO DE VISTA:

Muitas reuniões, seminários, audiências publicas, encontros, manifestações de interesses, quanto à necessidade da instalação da nossa tão sonhada Guarda Civil Municipal, entre outras ações e atividades. As suas atribuições, comportamentos de seus integrantes, organismos de fiscalização, a exemplo da Ouvidoria,  Procuradoria e competências do Poder Executivo Municipal, estão estabelecidos em documento oficial.

Vez por outra surgem, em toda a cidade e até a nível regional, comentários (que não gostaríamos que acontecessem), quanto a comportamentos isolados de alguns de seus membros, que em nada, mancha a imagem da instituição e que merece todo nosso respeito e zelo. 

A bem da verdade, o Executivo Municipal, diante desses fatos isolados e com o escopo de alinhar determinadas situações comportamentais, tome as providencias cabíveis e que sejam informadas à sociedade em geral. 

Não vivemos mais em uma sociedade isolada, sob o domínio de alguns. Sento Sé precisa continuar se desenvolvendo mutuamente, respeitando direitos e deveres constitucionais garantidos na nossa carta Magna. 

Não temos mais espaços para tais comportamentos. inaceitável.  

NOSSO PROFUNDO SENTIMENTO AO COLEGA, JOVEM GABRIEL E AO PORTAL SENTOSENOTICIAS, QUE MUITO TEM COLABORADO, DIRETA E INDIRETAMENTE PARA O  DESENVOLVIMENTO DO MUNICÍPIO E NO CUMPRIMENTO DO DEVER DE INFORMAR.


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.