Procuradora da PGR atacada por Witzel comanda apuração de respiradores do Nordeste

 


Atacada pelo governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, que foi afastado de suas funções por decisão do judiciário, a subprocuradora-geral da República Lindora Maria Araújo é a responsável também pela apuração da compra de respiradores pelo Consórcio do Nordeste.

A subprocuradora Lindora Araújo também é responsável pela Operação Lava-Jato na Procuradoria Geral da República e atualmente é considerada “braço direito” do procurador-geral, Augusto Aras.

Ao todo, três inquéritos estão abertos no Ministério Público Federal (MPF) para apurar as compras feitas pelo Governo da Bahia. Duas negociações por respiradores terminaram sem os aparelhos entregues e com o dinheiro pago antecipadamente.

Em pronunciamento, Witzel falou que havia um possível “uso político” na atuação do MPF (Ministério Público Federal).

“Lamentavelmente a decisão do sr. Benedito (Gonçalves, ministro do STJ responsável pela decisão), induzido pela procuradora na pessoa da dra. Lindora (Araújo, subprocuradora-geral da República), está se especializando em perseguir governadores”, disse Witzel.

Em resposta, Lindora afirmou que “sua atuação é pautada em provas e é sempre submetida à apreciação do Poder Judiciário”.

FONTE: ACAOPOPULAR

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.