SALVADOR: DIA DE FESTA? Vitória completa 120 anos tentando se reerguer no cenário nacional

por Redação Radar da Bahia no dia 13 de May de 2019 às 08:22
Foto: Maurícia da Matta / EC Vitória
Nesta segunda-feira, 13 de maio, o Esporte Clube Vitória completa 120 de fundação. O clube é o terceiro de futebol mais antigo do Brasil (atrás de Rio Grande-RS e Ponte Preta). E para os torcedores o maior presente neste dia, será um triunfo contra o Guarani, pela Série B do Campeonado Brasileiro, às 20, no estádio Brinco de Ouro, em Campinas-SP. Depois de caiu para segunda divisão, o maior objetivo do clube centenário é se reerguer no cenário nacional.
Para comemorar a data, será celebrada uma missa na Igreja da Vitória, situada no Largo da Vitória, como ocorre tradicionalmente. A missa teve início às 8h. 
Também como parte das comemorações, na terça-feira (14) à noite, haverá a entrega da Comenda Artêmio Valente, a mais alta condecoração do clube, durante jantar de adesão em um restaurante da cidade. Os agraciados serão, in memoriam, Carlos Palma, presidente por três vezes, a última delas em 1976, e a Carlos Tertuliano de Góes, Joca Góes, diretor de futebol na década de 70.
A HISTÓRIA
O Vitória nasceu justamente no Corredor da Vitória, em uma noite chuvosa de 13 de maio de 1899, quando os irmãos da tradicional família Valente, Artêmio e Arthur, reuniram-se com os amigos no casarão dos pais e fundaram o "Club de Cricket Victoria”.
No entanto, somente em 1902, o clube adotou o futebol como modalidade e alterou o nome para Sport Club Victória. Sobretudo, o futebol só teve sua profissionalização em 1953. 
Ao longo de sua história, o Leão, como é conhecido por conta do mascote do clube, acumula 29 títulos estaduais e cinco da Copa do Nordeste. O Vitória é o time que mais vezes venceu o certame regional (1976, 1997, 1999, 2003 e 2010).
Outro fato que marca a história do clube é o belo Campeonato Brasileiro feito em 2013. O time comandado pelo técnico Ney Franco teve a melhor campanha de um clube nordestino na era dos pontos corridos do Brasileirão, terminou em quinto lugar e, por pouco, não se classificou para disputar a Copa Libertadores da América. 
Antes do torneio nacional ser alterado para pontos corridos (2013), o rubro-negro baiano conquistou a segunda colocação da competição. Na final, perdeu para o Palmeiras. Já pela Copa do Brasil, o Leão bateu na trave em 2010. Enfrentando o Santos de Neymar e companhia, o Vitória perdeu a primeira batalha por 2 a 0, na Vila Belmiro. No jogo de volta, no Barradão, venceu o Peixe por 2 a 1, mas não foi suficiente para levar o título da competição. 
FONTE: RADARDABAHIA

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.