SENTO SÉ: SAÚDE PUBLICA CONTINUA RUIM

Imagem de Internet
Nas redes sociais é frequente as reclamações do atendimento médico-hospitalar em Sento Sé. Para o Governo a saúde nunca esteve igual.
Veja na integra texto de cidadão que procurou atendimento em Sento Sé:

Gente não é nem questão de denuncia, é só um desabafo mesmo. A situação da cidade de Sento-sé tá cada vez mais caótica, enquanto a gestão fica investindo em forma guardas municipais onde acidade já tem a guarnição da polícia militar e tem a polícia civil e tem bastantes vigilantes concursados e contratados. Numa cidade q não passa de 40 mil habitantes, a população clama por saúde e educação, minha filha adoeceu nessa cidade e minha esposa levou a o hospital passaram um soro e mandaram de volta pra casa dizendo q era só um dor de barriga depois levamos no postinho de saúde e disseram q era uma virose, foi aí q levei minha filha pra cidade de Remanso onde eu trabalho e os médicos de lá encaminharam minha filha rapidamente pra o hospital Dom Malan em Petrolina, quando o médico pediatra examinou disse q era apendicite e q já estava supurando pra estourar, se demora mais minha filha poderia ter vindo a morre por conta de tá morando numa cidade onde os políticos só pensam neles.

PONTO DE VISTA:
O Médico (a), enfermeiros e técnicos de enfermagem de Plantão no Hospital não são os responsáveis pela caótica situação de como a saúde está sendo cuidada em Sento Sé. Trabalham usando como equipamento as próprias mãos e o olhômetro. Não se realiza nenhum exame. 
Quando nossas autoridades e familiares necessitam de assistência médica-hospitalar, consultas (urgência/ emergência) entre outros procedimentos buscam atendimento em clinicas e hospitais particulares em Petrolina e Juazeiro.
Com certeza que a gestão dirá em Nota que tudo funciona às mil maravilhas. Aguardem!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.