Eulálio Braga diz que ‘prefeito de Remanso atrasa salários e manda funcionários leem livro para esquecer problemas’

Da Redação
O pré-candidato a prefeito pelo município de Remanso, Eulálio Braga (PTB) está preocupado com o acumulo de problemas que está ocorrendo no município em plena pandemia do coronavírus.
Segundo ele, o prefeito José Filho (PSD) abandonou a prefeitura deixando a população à mercê da própria sorte em pleno período de turbulência. “A cidade está sem comando.  No momento em que a população mais precisava de um gestor de verdade, de um líder, ele desaparece, foge do povo se escondendo dentro de sua casa”, detonou Eulálio.
“O prefeito não dá expediente na prefeitura há anos, e neste período difícil que estamos passando, ele além de sumir, se calou diante do caos, fugiu de suas responsabilidades mandando a secretária de educação municipal pedir aos funcionários que tenham calma devido ao atraso de salários”, desabafou.
“A administração municipal brinca com a inteligência das pessoas que estão passando necessidade em suas casas com as famílias, pedindo para lerem o livro de Mário Costela para acalmar os ânimos com as panelas vazias e contas vencidas. Isto é um tratamento de desprezo e irresponsabilidade de um gestor para com nosso povo”, disparou Eulálio.
Ele concluiu afirmando que não houve queda de receita nas áreas de educação e saúde, mesmo estas duas pastas enfrentando sérios problemas “com um prefeito vivendo isolado dentro de sua casa e agressivo com a população devido ao tratamento que vem oferecendo. A Prefeitura de Remanso recebeu R$ 8 milhões em fevereiro, o que não justifica o atraso de salários. Aqui em Remanso a situação é tão grave que o prefeito não distribuiu os kits de merenda ao pais de alunos para ajudar no complemento alimentar. O comércio na cidade está sofrendo graves consequências e o prefeito não está nem aí para o azar”.
FONTE: acaopopular

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.